domingo, 19 de junho de 2016

“Ide e fazei discípulos de todas as nações” Será??


“Ide e fazei discípulos de todas as nações” Será??

Introdução:

Este é mais um texto mal compreendido pelo cristianismo e suas seitas, mesmo porque não vimos nenhum discípulo de Yeshua fazendo discípulos dentre as nações pagãs existentes na época, muito ao contrário, durante o seu ministério Yeshua deu ordens expressas a seus discípulos para NÃO pregar para gentios pagãos e samaritanos, mas somente às Ovelhas da Casa de Yisrael:

"Yeshua enviou os doze, e lhes ordenou, dizendo: Não tomem o caminho dos gentios, nem entrareis em cidade de samaritanos; Mas ide somente às ovelhas perdidas da Beyt de Yisrael; E, ao irem, pregai, dizendo: O Reino dos Céus está chegando" (Mateus 10:5-7)

O Messias deixa bem claro que a Teshuvá deveria ser ministrada apenas ao povo de Yisrael, preparando-os para realizarem sua maior missão, ser Luz às nações.

A Missão do Messias:

Esta verdade ficou ainda mais clara quando o Messias foi procurado por uma mulher pagã de origem siro-fenícia (ver Marcos 7:26) e esta rogava-lhe que curasse sua filha que estava possuída por shedim, Yeshua deixou bem claro qual era a verdadeira missão de seu ministério:

“Então Yeshua lhe respondeu: Eu fui enviado SOMENTE às ovelhas perdidas da Beyt de Yisrael” (Mateus 15:24)

O Messias de Yisrael veio somente para resgatar as suas ovelhas que estavam desgarradas, era necessário que isso fosse feito pois, Adonai Eterno havia eleito o povo de Yisrael como nação sacerdotal e comissionou-os a ser Luz para as nações pagãs (ver Isaías 49:6). Havia uma profecia que dizia que nem todos de Yisrael iriam aceitar o Messias, mas que um grupo dentre os israelitas chamados de Remanescentes não só o aceitariam como também se converteriam:

“Porque ainda que o teu povo, ó Yistael, seja tão numeroso como a areia do mar, o Remanescente deste povo fará Teshuvá; uma destruição está determinada, plena de justiça” (Isaías 10:21)

Foram exatamente estes israelitas Remanescentes que o Messias resgatou e os enviou anunciando o Reino de D’us.

A Missão dos apóstolos:

Quando Yeshua terminou o seu ministério, ordenou novamente aos seus discípulos que fossem anunciar as mesmas palavras às ovelhas perdidas da Casa de Yisrael que estavam espalhadas por todo o mundo, é fácil notar pelo comportamento e mensagens dos apóstolos, você já se perguntou por que Shaul(paulo) quando viajava de cidade em cidade ensinando a Bessorat hatsalaah (boas novas de salvação), só procurava as Comunidades Judaicas e só pregava nas Sinagogas espalhadas pelo mundo??

"E logo nas Sinagogas pregava o Messias, afirmando ser ele o filho de D'us" (Atos 9:20)

"E os que foram dispersos pela perseguição que sucedeu por causa de Estevão caminharam até à Fenícia, Chipre e Antioquia, e NÃO anunciando a NINGUÉM a Palavra de D'us, senão SOMENTE aos JUDEUS" (Atos 11:19)

"E, chegados a Salamina, anunciavam a Palavra de D'us nas Sinagogas Judaicas; e tinham também a João como cooperador" (Atos 13:5)

"E eles, saindo de Perge, chegaram a Antioquia, da Pisídia, e, entrando numa Sinagoga Judaica, num dia de Shabat, assentaram-se" (Atos 13:14)

"E aconteceu que em Icônio entraram juntos na Sinagoga Judaica, e falaram de tal modo que creu uma grande multidão, não só de judeus mas também de gregos convertidos ao D'us de Yisrael" (Atos 14:1)

"E passando por Anfípolis e Apolônia, chegaram a Tessalônica, onde havia uma Sinagoga Judaica" (Atos 17:1)

"E logo os irmãos enviaram de noite Shaul e Silas a Bereia; e eles, chegando lá, foram logo à Sinagoga Judaica" (Atos 17:10)

"E todos os Sábados discorria na Sinagoga local, e convencia a judeus e gregos" (Atos 18:4)

"E chegou a Éfeso, e deixou-os ali; mas ele, entrando na Sinagoga local, dialogava com os judeus da Comunidade" (Atos 18:19)

"E, entrando na Sinagoga, falou ousadamente por espaço de três meses, dialogando e persuadindo-os acerca do reino de D'us" (Atos 19:8)

Em todo o ministério de Shaul ele só pregava abertamente para a Comunidade judaica e nos locais onde eles se reuniam, ou seja, nas Sinagogas, apenas uma única vez Shaul ensinou num local gentílico, no Aerópago de Atenas e para gentios, isto porque um grupo de filósofos gregos o chamaram para ouvi-lo (ver Atos 17:19-20).

Quando os apóstolos escreviam as suas Cartas (epístolas) às Comunidades nazarenas que residiam no meio gentílico, eles se dirigiam no seguinte termo: "Ás doze tribos que se encontram na diáspora (dispersão)":

"Tiago, servo do Eterno, e do Senhor Yeshua haMashiach, às Doze Tribos que andam na Dispersão, saudações" (Tiago 1:1)

"Pedro, apóstolo de Yeshua haMashiach, aos peregrinos da Diáspora no Ponto, Galácia, Capadócia, Ásia e Bitínia" (1 Pedro 1:1)

As Congregações nazarenas organizadas pelos apóstolos fora dos termos de Yisrael eram consideradas Congregações da Galut (diáspora), por isso eram chamadas carinhosamente de “doze tribos da dispersão” pois eram formadas na sua maioria de judeus e gentios convertidos.

Conclusão:

O objetivo dessa ordem do Messias era que, tanto os israelitas que habitavam em Jerusalém como os que residiam na Diáspora fossem preparados para serem Luz aos gentios onde eles estivessem:

"Disse mais: Achas pouco o seres Meu servo, para Restaurares as Tribos de Jacó, e tornares a trazer os REMANESCENTES de Yisrael; também te constituí Luz aos gentios, para seres a minha salvação até à extremidade da terra" (Isaías 49:6)

A Palavra de D'us tem que ser proclamada do Povo Eleito para o mundo e não o contrário:

"E acontecerá nos últimos dias que se firmará o monte da Beyt de Adonai no cume dos montes, e se elevará por cima dos outeiros; e concorrerão para ele todos os gentios. E irão muitos povos, e dirão: Vinde, subamos ao monte de Adonai, à Beyt do D'us de Ya’akov, para que eles nos ensinem os seus Caminhos, e andemos nas suas Veredas; porque de Tsion sairá a Torah, e de Jerusalém a Palavra do Eterno" (Isaías 2:2-3)

Há uma profecia nazarena que declara que os Remanescentes de Yisrael denominados Notserim, iriam ser os anunciadores da Palavra de D’us e conduziriam seus irmãos Efraimitas espalhados entre as nações de volta à Fé de Abraão:

כִּי יֶשׁ- יוֹם קָרְאוּ נֹצְרִים בְּהַר אֶפְרָיִם קוּמוּ וְנַעֲלֶה צִיּוֹן אֶל- יהוה אֱלֹהֵינוּ - Jeremias 31:6

Ky yesh-yom qareu Notserim behar Efraym qumu venaaleh Tsion El-Adonai Eloheinu – Jeremias 31:6

“Pois haverá um dia em que os Notserim anunciarão sobre o Monte de Efraim: Levantai-vos, e subamos a Tsion, a Adonai nosso D’us” (Jeremias 31:6)

Esta profecia se cumpre hoje, por meio dos judeus notserim/nazarenos, ainda hoje anunciamos a Teshuvá do Eterno a todos, principalmente aos nossos irmãos efraimitas espalhados em todas as nações.
Portanto, a verdadeira Palavra de D’us, a Torah e os Profetas só serão proclamadas pelos legítimos comissionados pelo Messias de Yisrael, nunca e jamais por meio de uma religião pagã denominada cristianismo. A Palavra terá de sair de Yisrael para o mundo e não o contrário.

Um dos principais líderes de nossa Congregação no passado confessou publicamente que não só pertencia a nossa Comunidade mas que a nossa Fé Patriarcal baseava-se na Torah Sagrada e nos Ensinos dos Profetas, cumprindo assim a profecia:

“Verificamos que este homem (Shaul) é um perturbador, que promove tumultos entre os judeus da diáspora. Sendo ele um dos principais líderes da seita dos Notserim (nazarenos)..... Mas isto eu confesso que, segundo o Caminho o qual chamam de “seita”, assim sirvo ao D’us de nossos Patriarcas, crendo em tudo quanto esteja de acordo com a Torah e nos Ensinamento dos Profetas” (Atos 24:5-14)

Este é o verdadeiro povo do Eterno, este é o sinal identificador dos Remanescentes, possuem a Fé Patriarcal e têm seus ensinamentos baseados na Torah e nos Profetas, quem não se identificar com os Remanescentes estarão Fora da Tteshuvá:

“À Torah e ao Testemunho (profetas)! Se eles não falarem segundo esta Palavra, é porque a Luz não está com eles” (Isaías 8:20)

Baruch haShem!!!




Rosh Marlon Troccolli